Um homem de 55 anos foi internado na China com gripe aviária. Segundo a rede estatal Global Television Network, o paciente foi diagnosticado com a cepa H5N6 da doença e deu entrada no hospital na última quinta-feira (15).

Morador de Sichuan, no sudoeste do país asiático, o homem teve o teste positivo para a doença feito no último dia 6 de julho. De acordo com o dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a região do Pacífico Ocidental, incluindo países da Ásia e Oceania, registrou 33 casos de gripe aviária desde 2014.

Gripe aviária na China

“Sempre que os vírus da gripe aviária estão circulando nas aves, existe o risco de infecção esporádica e pequenos grupos de casos humanos devido à exposição a aves infectadas ou ambientes contaminados. Portanto, casos humanos esporádicos não são inesperados”, disse a entidade no último dia 9.

A cepa da gripe aviária diagnosticada no homem não é a mesma que no mês passado foi relatada pela primeira vez em humanos. Na ocasião, foi a variante H10N3, considerada com poucas chances de uma grande propagação.

publicidade

“Com a contínua incidência de influenza aviária devido aos vírus influenza A (H5) existentes e novos em aves, é necessário permanecer vigilante nos setores de saúde animal e pública. A consciência da comunidade sobre os perigos potenciais para a saúde humana é essencial para prevenir a infecção em humanos. A vigilância deve ser continuada para detectar casos humanos e mudanças precoces na transmissibilidade e infectividade dos vírus”, completou a OMS.

Leia também!

Ainda de acordo com a entidade, as pessoas geralmente se infectam com a gripe aviária por meio do contato direto com animais ou ambientes contaminados, e não há grande transmissão sustentada entre humanos. O estado de saúde do homem internado na China não foi revelado.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!