Ocorpo humano é uma máquina complexa e fascinante, repleta de sensações e respostas intrigantes. Uma sensação que muitas pessoas experimentam em algum momento de suas vidas é o formigamento. Mas afinal, você sabe por que sentimos essa peculiar sensação em diversos momentos e quais são os fatores que podem causá-la e até mesmo que pode ser um indicativo da sua saúde?

Leia também:

Por que sentimos formigamento?

O formigamento basicamente ocorre quando há pressão ou compressão sobre os nervos, resultando em uma interrupção temporária do fluxo sanguíneo. Os nervos são como fios condutores de eletricidade que transmitem sinais do cérebro para diferentes partes do corpo, quando esses nervos são comprimidos, a comunicação entre o cérebro e a área afetada é prejudicada, levando à essa sensação.

Essa sensação pode ocorrer tanto de forma natural, quando ser causada por algum agente externo, como por exemplo quando você fica em determinada posição limitando a circulação, ou ainda até por questões psicológicas e até mesmo alguma doença.

publicidade

Causas comuns

  • Posição incômoda: Muitas vezes, o formigamento ocorre quando permanecemos em uma posição por muito tempo, comprimindo os nervos. Isso pode acontecer ao cruzar as pernas por um período prolongado ou ao dormir com o braço sob o corpo.
  • Pressão sobre os nervos: O uso inadequado de mochilas pesadas, roupas apertadas ou sentar-se de maneira que exerça pressão sobre os nervos pode causar formigamento.
  • Má circulação sanguínea: Problemas circulatórios, como o estreitamento das artérias, podem reduzir o fluxo sanguíneo para certas áreas, desencadeando o formigamento.
  • Lesões e traumas: Lesões que afetam os nervos, como uma hérnia de disco ou trauma físico, podem resultar em formigamento.
  • Condições médicas: Algumas condições médicas, como diabetes, esclerose múltipla e síndrome do túnel do carpo, podem causar formigamento como sintoma.
Imagem: Eurofarma/Reprodução

Como lidar com o formigamento:

Se você estiver enfrentando a sensação incômoda de formigamento no corpo, considere ajustar sua posição para aliviar a pressão sobre os nervos. Mover-se e evitar permanecer em uma posição desconfortável por muito tempo pode ser uma maneira eficaz de lidar com essa sensação.

Além disso, incorporar exercícios regulares à sua rotina pode ser benéfico para melhorar a circulação sanguínea, o que, por sua vez, pode reduzir a incidência de formigamento. A prática consistente de atividades físicas contribui para a saúde geral do sistema circulatório.

Ao escolher suas roupas, opte por peças mais folgadas. Roupas apertadas podem comprimir os nervos, prejudicando a circulação adequada. Esse simples ajuste no vestuário pode promover uma circulação mais saudável e reduzir a probabilidade de experienciar formigamento.

Caso o formigamento persista ou esteja acompanhado de outros sintomas preocupantes, é crucial buscar orientação de um profissional de saúde. Uma avaliação adequada pode identificar possíveis causas subjacentes e direcionar o tratamento apropriado para garantir seu bem-estar.

Em conclusão, o formigamento no corpo é geralmente uma resposta temporária a fatores como pressão nervosa ou má circulação. No entanto, é essencial estar atento aos sinais persistentes e procurar orientação médica se necessário.